Anticoncepcional Mesigyna – Benefícios e Efeitos Colaterais – Engorda?

mesigyna

Em atendimento às mulheres que necessitam evitar uma gravidez indesejada e não podem fazer uso de comprimidos contínuos, o mercado farmacêutico tem desenvolvido diversas soluções. Uma delas é o medicamento conhecido como Mesigyna.

Para obter maiores informações quanto aos benefícios, contraindicações, efeitos colaterais, preço e demais detalhes desse medicamento, basta conferir nosso post!

O que é o Mesigyna?

O Mesigyna consiste em um tipo de método contraceptivo. Trata-se de um anticoncepcional injetável, sendo composto por enantato de noretisterona e valerato de estradiol.

Este medicamento é fabricado pelo laboratório Bayer, um dos mais conceituados no mundo e se apresenta como uma excelente alternativa para as mulheres que não podem fazer uso de comprimidos ou desejam métodos alternativos.

Anticoncepcional Mesigyna Engorda?

Não existe comprovação científica de que o uso do anticoncepcional Mesigyna ou qualquer outro anticoncepcional engorde.

Benefícios do Mesigyna

Com relação às vantagens apresentadas por este medicamento, as principais delas são:

– Previne a gravidez indesejada;

– Evita esquecimentos da paciente quanto ao uso do anticoncepcional (situação muito comum no caso dos comprimidos);

– Aplicação única;

– Regulariza o fluxo menstrual;

– Ameniza os desconfortos causados pela TPM (enjoos, cólicas, sensibilidade nas mamas, dores de cabeça etc).

Contraindicações

Como todo medicamento, esse anticoncepcional injetável também possui algumas contraindicações. Desse modo, ele não é recomendado nos seguintes casos:

– Gravidez (suspeita ou confirmada);

– Ocorrência atual ou anterior de problemas de coagulação sanguínea (trombose, embolia pulmonar, derrame cerebral, infarto etc) ou que possuam pré-disposição a ter esses problemas;

– Pacientes com hipertensão;

– Pessoas que apresentam alterações ou doenças no fígado (Ex: Hepatite, cirrose, tumores etc);

– Pacientes portadores da Síndrome de Rotor e de Dubi-Johnson;

– Ocorrência atual ou anterior de tumores na mama ou nos órgãos genitais (decorrentes de questões hormonais);

– Sangramentos vaginais sem causas definidas;

– Pacientes que apresentam histórico de prurido intenso ou herpes gestacional;

– Pessoas diagnosticadas com porfiria (distúrbio que afeta a síntese da hemoglobina no sangue);

– Lesões endometriais;

– Pessoas alérgicas a qualquer um dos componentes da fórmula do medicamento.

Efeitos colaterais

No que se refere aos efeitos colaterais possivelmente apresentados no decorrer do uso desse medicamento, estão:

– Sangramentos irregulares;

– Aumento da pressão arterial;

– Intolerância com relação ao uso de lentes de contato;

– Agravamento da endometriose;

– Aumento da propensão a infecções vaginais;

– Diminuição das defesas imunológicas;

– Sensibilidade, dor ou secreção nas mamas;

– Náusea e/ou vômitos;

Dor de cabeça;

– Alterações de humor;

– Diminuição do desejo sexual;

– Aumento do peso;

– Surgimento de acne;

Irritações na pele;

– Dores ao tossir ou respirar;

– Complicações no fígado.

Preço

Referente ao preço cobrado por este medicamento, ele fica em torno de R$35,00, sendo encontrado em todas as farmácias do Brasil.

É necessário consultar um ginecologista antes de usar este medicamento?

Sim. Antes de fazer uso de qualquer anticoncepcional, é indispensável buscar a orientação de um ginecologista de confiança.

Somente este profissional poderá fazer uma avaliação precisa quanto ao uso e prescrição do Mesigyna, garantindo que as mulheres possam usufruir de todos os benefícios proporcionados por este medicamento.

Imagem- mundoboaforma.com.br



doencas Revelado: Como Prevenir e Curar Doenças


Enquanto muitas pessoas se entopem de remédios, multivitamínicos e realizam dietas mirabolantes, existem certos alimentos que podem evitar doenças ou até mesmo ajudar na cura de muitas delas. Descubra o Real PODER na Natureza neste Vídeo Exclusivo - Clique Aqui


Publicidade:

Mais Assuntos