A Sinusite – Tratamento, Sintomas, Dicas, Ajuda, Manifestações e O que é

a-sinusite-tratamento-sintomas-dicas-ajuda-manifestacoes-e-o-que-e

Esta inflamação dos seios da face tem várias causas. Pode provocar fortes dores ou permanecer, durante meses, como um simples resfriado.

Neste artigo falaremos sobre A Sinusite – Tratamento, Sintomas, Dicas, Ajuda, Manifestações e O que é.

A Sinusite – Tratamento, Sintomas, Dicas, Ajuda, Manifestações e O que é

SINUSITE

A sinusite consiste num processo inflamatório das cavidades ou seios da face. Todas essas cavidades são duplas. Os seios maxila­res situam-se em ambos os lados da face. bem atrás das “maçãs do rosto”. Constituem a maior cavidade de toda a face.

Comunicam-se, na parte inferior, com as raízes dentárias do segundo pré-molar superior e com o primeiro e o segundo molares superiores. A parte interna do seio maxilar forma a parede externa da fossa nasal. Na parte superior, a parede do seio constitui o assoalho da órbita.

No osso frontal (o da testa) se encontra o seio frontal, que lembra a forma de um funil, pois tem a parte estreita voltada para baixo. Abaixo do osso frontal está o seio etmoidal, localizado entre a fos­sa nasal e a órbita. No assoalho do crânio se encontra o seio esfenoidal, ampla cavidade situada precisamente no corpo do osso esfenoide.

Essas cavidades se comunicam com as fossas nasais através de orifícios bastante sensíveis a qualquer secreção. Devido à estreita ligação com as fossas nasais, os seios da face também são conhe­cidos como cavidades paranasais.

AS DIFERENTES INFLAMAÇÕES

As sinusites geral­mente são classificadas em dois grupos: primárias e secundá­rias, que podem, por sua vez, ser agudas ou crônicas. As sinusi­tes primárias derivam de inflamação nas fossas nasais. Através dos orjilcios, a inflamação se estende até as cavidades da face, que são assim atingidas.

Muitas vezes os germes penetram nas fossas nasais e, caminhando com a secreção, são levados até as cavida­des da face. provocando o processo infeccioso. A sinusite pode também ser causada por infecções nos dentes.

Exame dos seios frontais coma utilização de diafanoscópio. Em ambiente de semi-obscuridade, o aparelho é colocado junto ao ângulo interno da órbita.

AS MANIFESTAÇÕES

Na sinusite aguda, a pessoa se queixa de dores em várias partes do rosto: raiz do nariz, arcada superciliar e “maçãs do rosto” E há corrimento nasal (rinorréia) com aspecto mucoso e purulento. Devido à obstrução nasal, a pes­soa passa a respirar pela boca. Sente também irritação na gargan­ta e tosse muito.

Alguns doentes se queixam de dor de cabeça, nevralgias ou do­res articulares (artralgia). Alguns sintomas gerais, comuns a qual­quer infecção, também se manifestam. É o caso da prostração, perda do apetite (anorexia) e mal-estar geral.

Outros sintomas são o odor fétido (cacosmia), gosto de matéria em putrefação (caco­geusia) e perda do olfato (anosmia), freqüentemente acompanha­dos de bronquite e laringite. Já na sinusite crônica a pessoa nor malmente comenta que há mais de seis meses apanhou um resfria­do, do qual não consegue se livrar.

DIAGNÓSTICO

O exame otorrinolaringológico permite de terminar a extensão do processo inflamatório, que pode mesmo atingir todas as cavidades do rosto (pansinusite).

Esse exame – que consiste basicamente na compressão digital dos seios e punção – também inclui a diafanoscopia, método que permite verificar o grau de transparência dos seios maxilares e frontais, com o emprego de aparelhos especiais. O lugar em que se instalou o processo inflamatório aparece bem mais escuro durante o exame.

Normalmente o exame radiológico também é realizado. As ra­diografias da face e do crânio permitem um estudo do aspecto das mucosas e da transparência das cavidades da face.

Todos esses exames são indispensáveis para a orientação do tra­tamento da sinusite. Ao descobrir que a sinusite é do tipo agudo, o médico pode recomendar tratamento específico, que consiste na administração de antibióticos, descongestionantes locais, inala­ções e banhos de luz.

Nas sinusites crônicas, o esquema terapêutico é semelhante, po­rém já apresenta aspectos mais complexos, exigindo freqüentemen­te a punção do seio para sua drenagem e lavagem. Todas as cau­sas que contribuem para a manutenção dos processos inflamató­rios crônicos da mucosa nasal devem também ser tratadas.

Neste artigo falamos sobre A Sinusite – Tratamento, Sintomas, Dicas, Ajuda, Manifestações e O que é .

Imagem- biosom.com.br



doencas Revelado: Como Prevenir e Curar Doenças


Enquanto muitas pessoas se entopem de remédios, multivitamínicos e realizam dietas mirabolantes, existem certos alimentos que podem evitar doenças ou até mesmo ajudar na cura de muitas delas. Descubra o Real PODER na Natureza neste Vídeo Exclusivo - Clique Aqui


Publicidade:

Mais Assuntos