Dor de Ouvido – Causas de um ouvido dolorido

A maioria das pessoas não pensa muito em suas orelhas, a não ser que se sintam conscientes do seu tamanho. Mas quando têm dor de ouvidos, sentem como se a orelha afetada tivesse crescido de forma gigantesca, dificultando pensar em alguma outra coisa.

Apesar de toda a indescritível dor causada pela dor de ouvido, esta raramente põem a vida em perigo. Entretanto, podem ser sérias, especialmente se causarem uma infecção. Os sintomas de uma infecção nos ouvidos incluem dor no ouvido e perda de audição. Numa criança pequena, os sintomas que indicam uma infecção nos ouvidos são: coçar ou puxar a orelha, choro ou agitação excessiva, febre, náusea, e vômitos. Uma infecção sem tratamento poder levar a perda da audição permanente, e já que a dor de ouvido pode às vezes refletir algum problema em outra parte do corpo, é importante que o médico examine essa dor.

Infecções a parte, a causa mais comum da dor de ouvidos é a obstrução da trompa de Eustáquio. A trompa de Eustáquio é um tubo pequeno e fino, forrado internamente com membranas, que conecta o interior da parte posterior do nariz com o ouvido médio. O ar no ouvido médio constantemente se absorve no forro membranoso, mas o ar não se esgota sempre que a trompa de Eustáquio se mantém aberta e capaz de reabastecer o ar durante o processo de inspiração.

Desta maneira, a pressão do ar a ambos os lados do tímpano se mantém mais ou menos igual. No entanto, quando a trompa de Eustáquio é obstruída por qualquer razão, a pressão no ouvido médio não se iguala. O ar que já está ali é absorvido e, sem novo abastecimento, ocorre um vazio no ouvido médio, succionando o tímpano adentro, esticando-o e endurecendo-o até que cause a dor.

Este tipo de dor de ouvido é especialmente comum nas pessoas que viajam de avião, especialmente quando têm um resfriado ou estão com catarro. Quando o avião decola, a pressão do ar da cabine diminui, e quando o avião aterrissa, a pressão do ar da cabine aumenta; em cada caso, a mudança na pressão ocorre muito rapidamente. Enquanto que normalmente, o ar no ouvido médio tenta igualar-se por si só.

 

São Dores de Ouvidos Mesmo?

Algumas vezes as doenças e transtornos de outras partes da cabeça e do pescoço podem soar como um alarme no ouvido. A dor emitida tem sua origem em alguma outra parte, mas é sentida no ouvido. Essa é uma razão pela qual é importante que o médico examine a dor de ouvidos.

Para os otorrinolaringologistas, os responsáveis mais comuns da dor de ouvido são os seguintes:

  • A língua
  • Os dentes
  • As amídalas
  • A garganta
  • A articulação temporo-mandibular

Se há uma congestão no sistema respiratório superior, o ar não pode fluir através da trompa de Eustáquio para chegar ao ouvido médio. (Este tipo de dor de ouvido pode ocorrer também como resultado de mudança de pressão durante a subida do elevador de um edifício alto).

Quando seu Tímpano está doente

Se sente uma dor repentina e aguda no ouvido depois de um trauma como uma explosão ou um acidente, você pode ter uma perfuração no tímpano. Mesmo que a dor apareça somente no momento do acidente, o mal necessita mesmo ser avaliado por um especialista para descartar algum transtorno permanente nos mecanismos do ouvido médio.

A maioria das perfurações do tímpano relacionadas com traumas são pequenas, e se curam de forma espontânea em algumas semanas, se você evitar ou controlar as infecções do ouvido médio (que é a razão pela qual você necessita ir ao médico mesmo no caso de uma perfuração pequena). As perfurações grandes podem necessitar cirurgia.

 

 

Leia Também:

 

 

 

 

 

 



doencas Revelado: Como Prevenir e Curar Doenças


Enquanto muitas pessoas se entopem de remédios, multivitamínicos e realizam dietas mirabolantes, existem certos alimentos que podem evitar doenças ou até mesmo ajudar na cura de muitas delas. Descubra o Real PODER na Natureza neste Vídeo Exclusivo - Clique Aqui


Publicidade:

Mais Assuntos

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*