Febre Alta – Como Abaixar a Temperatura do Corpo

Você está encharcado de suor. Na cabeça sente uma dor ensurdecedora e latejante, e o que é pior, sente como se alguém estivesse apertando as pálpebras com os polegares. Em um minuto se sente como se estivesse ardendo, e no minuto seguinte tem calafrios que o fazem tremer. Se colocar um termômetro debaixo da língua, o mercúrio sobe até 38,5°C. Sim, você está com febre.

A febre alta não é uma doença em si mesma, se não um sintoma de alguma outra condição, geralmente uma infecção causada por bactérias, fungos, vírus, ou parasitas, ou inclusive uma reação alérgica. Quando este inimigo invade, os glóbulos brancos são provocados para atacar, e secretam uma proteína chamada pirógeno endógeno.

 

Temperatura Normal – 37 é Febre?

Quando o pirógeno endógeno chega ao cérebro, dá um sinal ao hipotálamo para se ajustar em um ponto mais alto; se o novo ponto está a mais de 37,8°C, você está com febre. Ou Seja, 37 graus não é febre. Quando você ultrapassa o valor de 37,8 o que você deve fazer? Aqui estão alguns conselhos:

 

Dicas para Abaixar a Febre

Febre é um sinal que seu corpo está sofrendo de algum. A primeira coisa a se fazer é buscar conselho médico. Além disso, você pode seguir as dicas padrões abaixo a sensação de sua febre:

Vista-se confortavelmente

Deixe que seu organismo lhe diga o que é que você deve usar. Se à medida que a febre avança você tem calafrios, vista-se mais até que sinta mais conforto. Por outro lado, se sente calor e desconforto, tire alguma roupa. Com seu corpo o mais exposto possível, suas glândulas sudoríparas terão maior capacidade de liberar umidade, o que vai fazer com que se sinta mais confortável. Quanto menos roupa tiver, mais rapidamente irá baixar a febre. Evite vestir demais os bebês.

Não fique debaixo do cobertor

A não ser que tenha calafrios, ficar na cama com muitos cobertores somente vai manter o calor e fazer com que se sinta mais desconfortável. Esqueça de tudo o que já ouviu sobre ‘suar a febre’ ficando debaixo dos cobertores.

 

Coma Bem

Quando a sua febre abaixar e começar a sentir-se melhor, vai melhorar o seu apetite. Inclusive por um momento poderá sentir uma fome voraz. Para reabastecer as reservas alimentares de seu organismo, trate de comer uma variedade de alimentos, incluindo frutas e verduras, grãos integrais, produtos lácteos de baixo teor de gorduras, carnes, peixes e aves com pouca gordura. Quanto mais variedade tenha em sua dieta, mais possibilidades terá de proporcionar ao seu organismo todas as substâncias nutritivas de que necessita.

Tome banho

Se sente calor e desconforto, molhe-se com uma esponja umedecida com água morna, ou entre em uma banheira com um pouco de água morna e respingue todo o seu corpo. Não encha totalmente a banheira com água, já que é a evaporação da água da pele que ajuda a refrescar-se. Assegure-se de que a água não esteja muito fria, o que poderia ser contraproducente, já que fará com que você trema e assim subirá a febre de novo. Evite também o álcool porque pode ser absorvido pela pele e causar intoxicação e desidratação.

Beba algo

A febre, especialmente se estiver acompanhada de vômitos e diarreia, pode levar a perda de líquidos e a um desequilíbrio dos eletrólitos. Mantenha-se bem hidratado. A água fresca é o melhor, mas também podem ser tomados sucos não adoçados, se isso é o que lhe faz bem. Fazer com que uma criança beba muita água às vezes é difícil; experimente dar-lhe picolés de frutas, que são na sua maioria de água.

Não coma forçado

Quando tiver febre, não coma à força se não tiver vontade. Seu organismo lhe vai dizer quando é o momento para comer. (Para sua dieta de recuperação, veja “Coma bem.”). Não entanto, certifique-se de manter seu consumo de líquidos.

Tome duas aspirinas

Os medicamentos conhecidos como antipiréticos procuram o pirógeno e o tiram de circulação. A aspirina e o acetaminofen são ambos antipiréticos. No entanto, não dê aspirina a uma criança que tenha varicela, gripe, ou inclusive uma doença respiratória leve. Isto pode provocar uma condição potencialmente fatal conhecida como síndrome de Reye, acrescenta. Limite-se a acetaminofen para crianças, e siga com cuidado as instruções da embalagem.

febre-alta

 

Como Ler a Febre

Tocar-se nem sequer dá uma boa aproximação da temperatura de seu corpo. Você deve usar um termômetro para febre para obter uma leitura precisa.

Há dos tipos básicos de termômetros de vidro para a febre, os orais e os retais. A única diferença está na forma do bulbo: fino e largo no oral, e curto e grosso no retal. As temperaturas retais são as mais precisas; as temperaturas orais podem alterar-se ao respirar pela boca, fumar ou somente com o fato de ter bebido alguma coisa fria ou quente. As leituras retais são em geral mais ou menos 0,38°C mais altas que as temperaturas orais. (Se nenhum destes métodos é conveniente, também se pode medir a temperatura se colocar um termômetro oral debaixo da axila pelo menos por dois minutos; isto dará uma leitura como de um grau mais baixa que a temperatura oral).

Os termômetros de vidro têm várias desvantagens: Podem quebrar ao serem manipulados e inclusive na boca. Se um termômetro quebra na boca, não se preocupe; somente há uma quantidade muito pequena de mercúrio no tubo. Certifique-se de tirar todos os cacos de vidro da boca. Os termômetros de vidro também devem ser sacudidos até baixarem a 35,6°C para que permitam que se registre a temperatura real do organismo. Por outro lado, os termômetros de vidro tem uma grande vantagem: são baratos.

Mais convenientes—e um pouco mais caros—são os termômetros digitais mais modernos, que registram as temperaturas com uma precisão de um décimo de grau. Estes termômetros também são rápidos. Registrar a temperatura leva menos de um minuto, em comparação com os de vidro que levam três minutos. A maioria dos termômetros digitais funcionam com uma bateria de “botão” (do tipo das usadas em aparelhos para surdos), que dura de dois a três anos em condições de uso normal.

As farmácias geralmente têm uma variedade de ambos termômetros, de vidro e digitais.

 

Leia Também:



doencas Revelado: Como Prevenir e Curar Doenças


Enquanto muitas pessoas se entopem de remédios, multivitamínicos e realizam dietas mirabolantes, existem certos alimentos que podem evitar doenças ou até mesmo ajudar na cura de muitas delas. Descubra o Real PODER na Natureza neste Vídeo Exclusivo - Clique Aqui


Publicidade:

Mais Assuntos

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*