Como calcular a Frequência Cardíaca e medir a pulsação

Frequência cardíaca  é o número de batimentos cardíacos por unidade de tempo, geralmente calculado por minuto (bpm). A pulsação é a sensação de levantamento ou choque que se percebe quando se comprime ligeiramente uma artéria. Corresponde à passagem da corrente sanguínea, produzida pela contração do ventrículo esquerdo do coração. Entende de uma vez como calcular a frequência cardíaca nesse artigo.

Como calcular a a frequencia cardiaca

 

Lugares do corpo para medir a frequência cardíaca

Para medir a frequência cardíaca serve qualquer artéria superficial que possa ser comprimida sobre um plano ósseo: a artéria radial no pulso, a artéria facial sobre o maxilar inferior, a artéria temporal adiante da orelha, a carótida, no pescoço, etc. O lugar em que habitualmente se toma a pulsação é a artéria radial ao nível do pulso.

Como calcular a a frequência cardíaca

Para encontrar a sua, subtraia sua idade de 220.  Por exemplo: uma pessoa de 36 anos deve fazer o cálculo 220 – 36 = 185. Assim, a FCM de uma pessoa de 36 anos é 184 bpm (batimentos por minuto).

Qual a frequência ideal?

A frequência cardíaca ideal de uma pessoa em repouso é 60 a 100 bpm, mas isso pode variar entre pessoas de idades diferentes. Em crianças a frequência cardíaca é maior, assim como em pessoas que se exercitam. Por isso, é fundamental calcular a frequência cardíaca em repouso.

Como tomar a pulsação da frequência cardíaca

É conveniente que o paciente esteja em repouso, quer deitado quer sentado. A pessoa que vai tomar a pulsação coloca os dedos indicador e médio da mão direita sobre a artéria radial e o polegar sobre o dorso do antebraço. O lugar em que se acha a parte baixa da artéria radial é uma depressão óssea que se apalpa entre a borda externa do antebraço (que corresponde ao lado do polegar) e os tendões que estão na face anterior do antebraço (que corresponde ao lado da palma da mão).

Nessa zona macia, próximo do pulso e a uns 2 centímetros, aproximadamente, da borda externa do antebraço, sente-se facilmente ao comprimir com os dedos o batimento da artéria radial.

Dados que a pulsação pode oferecer

Em primeiro lugar convém contar o número de pulsações, valendo-se, para isso, de qualquer relógio que tenha marcador de segundos. Enquanto se fixa a vista no ponteiro que assinala os segundos, contam-se as pulsações que ocorrem em meio minuto ou um minuto.

Quanto maior for o tempo durante o qual se conta, mais exata é a contagem. O número de pulsações normais varia segundo a idade e o sexo. A pulsação é mais rápida na criança do que no adulto, e amiúde ligeiramente mais alta na mulher do que no homem. A média de pulsações do homem adulto é de 72 por minuto, podendo oscilar entre 60 e 80.

Não raro, no entanto, é observar adultos sadios com número de pulsações pouco maior ou menor que essas cifras. Na criança, a média é de 100 a 140 nos primeiros 6 meses de vida, de 105 a 120 no segundo semestre, de 90 a 110, dos 2 aos 6 anos, de 80 a 100, dos 7 aos 10 anos, e de 70 a 90, entre os 11 e os 14 anos.

Estas cifras são para a criança quando dorme. Quando acordada, aumenta de 10 a 40 por minuto o número de pulsações. A pessoa acostumada a trabalho ou exercício físico tem geralmente pulsação mais lenta que a que leva vida sedentária.

Regularidade da da frequência cardíaca

Ao calcular a Frequência Cardíaca convém observar se há regularidade das pulsações, isto é, se o intervalo que separa uma pulsação de outra é sempre igual ou se há variações. Neste último caso, diz-se que há arritmia. Outro dado útil que pode obter-se ao tomar a pulsação, é a intensidade da pulsação (pulso fraco ou forte).

O pulso muito fraco recebe às vezes o nome de pulso filiforme. Para o médico e para o enfermeiro experimentado, há vários outros caracteres do pulso que lhes são de utilidade para apreciar o estado do paciente e às vezes para ajudar a diagnosticar a espécie de enfermidade que tem. Quando se tem que tomar a pulsação de uma criança é preferível fazê-lo enquanto dorme, pois o número de pulsações assim obtido é mais exato.

Pronto para calcular sua frequência cardíaca?

Mais Assuntos