Benefícios da Yoga para o Corpo, Mente e Saúde – Para que serve?

O Yoga, que nos veio da Índia, faz parte das grandes áreas da saúde. Isso se deve aos inúmeros benefícios da Yoga, que não deixa de prodigalizar aos seus adeptos: equilíbrio, harmonia, controle do corpo, relaxamento, psiquismo sólido…

A ioga não se propõe a curar, mas sua prática regular permite disciplinar o organismo, fornecer-lhe um estado de equilíbrio, sinônimo de boa garantia de saúde. Ela é a arma, conquistada dia-a-dia, do domínio fisiológico. Fonte de juventude e de saúde, mas não um método terapêutico, a ioga é um precioso auxiliar que deve ser levado em consideração.

 

Benefícios da Yoga

beneficios-da-yoga

Essa filosofia de fortes aspectos religiosos adquiriu entre nós uma reputação de exotismo – do tipo “faquir que dorme sobre uma cama de pregos” – um ar de prestidigitação oriental. Entretanto, desembaraçada da miscelânea religiosa que, diga-se de passagem, não se enquadra muito conosco, ocidentais, resta um conjunto de regras de higiene física e mental que se adapta proveitosamente a todas as etnias, sem distinção de fé.

Benefícios no plano físico

No plano físico, a ioga proporciona uma flexibilidade geral das articulações e da coluna vertebral; melhora o funcionamento de nossos órgãos: intestinos, fígado, coração, glândulas, circulação. É um excelente meio de prevenir os distúrbios funcionais e um antídoto muitas vezes necessário para as aberrações de nosso cotidiano atual. Além disso, em caso de doença, permite uma recuperação acelerada durante a convalescença.

Benefícios no plano psíquico

No plano psíquico ela faz maravilhas: volta ao estado de calma, relaxamento, controle da emoção e do estado nervoso…

Sabemos, hoje, quão numerosas são as doenças induzidas pelo psiquismo, ao que se dá o nome de doenças psicossomáticas. Essa faculdade da ioga, de manter bem equilibrada a balança de nosso estado mental e de nossa fisiologia, é prova de que, há milhares de anos antes de nós, os homens já haviam compreendido o interesse, no plano do bem-estar diário, de definir a saúde sob seu duplo aspecto: o corpo e o espírito complementando-se um ao outro.
A ioga pode ser alcançada por aquele que come e vive de um modo normal, cujos atos todos são determinados pela razão, por aquele cujo sono e vigília são equilibrados.”
Esta passagem extraída de textos antigos prova que a ioga é uma busca da justa medida e não, como se quis fazer crer, uma ascese masoquista impondo uma mortificação constante e regras alimentares bizarras. E, ao contrário, a busca da felicidade.

Para tanto, a ioga apóia-se em três fatores fundamentais:

a respiração. Reaprender a respirar, a controlar o sopro, a oxigenar-se através de exercícios físicos e mentais.

a postura. E uma ginástica da imobilidade que compreende posições metódicas, cada qual com seu objetivo preciso,

a dosagem do esforço ou o respeito e o conhecimento do corpo.

Não cabe aqui desenvolver com precisão a prática da Ioga, pois isso mereceria uma obra exclusiva, o que, aliás,já foi feito muitas vezes. Trata-se simplesmente de despertar a curiosidade e explicar por que, no tópico sobre receitas médicas, a ioga também pôde ser prescrita.

Leia também:

Benefícios da Atividade Física – Vale a pena fazer?

A importância de Praticar Esportes para a Saúde e Corpo

 



doencas Revelado: Como Prevenir e Curar Doenças


Enquanto muitas pessoas se entopem de remédios, multivitamínicos e realizam dietas mirabolantes, existem certos alimentos que podem evitar doenças ou até mesmo ajudar na cura de muitas delas. Descubra o Real PODER na Natureza neste Vídeo Exclusivo - Clique Aqui


Publicidade:

Mais Assuntos