Homem que não pode ter filho tem tratamento?

tratamento-nao-pode-ter-filho

 

Contrariamente ao que se tem crido por muitos séculos, segundo algumas estatísticas, boa porcentagem dos casos de dificuldade de engravidar é devida ao homem, em cujo esperma pode não haver espermatozoides. Ocorre, também, que, sendo o número dos espermatozoides inferior ao normal, ou defeituosos estes agentes masculinos da fecundação, há esterilidade, devida ao homem. Quais são as causas que podem fazer com que um Homem não possa ter filho? Tem tratamento? Saiba mais abaixo.

Causas que fazem um homem não poder ter filho

Primeiramente, para saber as causas da dificuldade de engravidar deve-se fazer previamente o exame do esperma do esposo. Se estiver normal, prosseguir-se-á com o exame da esposa para tratar de descobrir da dificuldade de engravidar.

A esterilidade masculina (saiba mais) é mais comum do que se imagina. Algumas destas causas são: Conformação congênita ou adquirida da vulva ou da vagina que dificulte o coito ou não permita que o sêmen fique no fundo da vagina. As vezes o colo uterino tem um tampão de muco que impede a passagem do espermatozoide.

Outras vezes o orifício do colo uterino pode ser excessivamente estreito ou dirigir-se para cima (quando há a retroversão do útero), o que pode também dificultar a fecundação. As cervicites ou inflamações do colo uterino são outra possível causa.

O corpo uterino pode ter um desenvolvimento insuficiente, ou apre­sentar tumores (fibromiomas ou outros). Raras vezes é causa de esterilidade uma inflamação da mucosa uterina. Muito freqüente causa de esterilidade são as afecções das trompas de Falópio, por achar-se fecha­da sua luz, as mais das vezes por inflamações anteriores das mesmas.

Às vezes é necessário recorrer à radiografia do útero e das trompas depois de injetar um óleo iodado, opaco aos raios X, (histero-salpingo­grafia) para saber se as trompas são permeáveis ou não, o que pode dar, além disso, outros dados úteis acerca do útero.

Em alguns casos, a causa da esterilidade é uma afecção do ovário: ovário fora de seu lugar normal, inflamações ou aderências do mesmo, ou falta de ovulação normal.

Para alguns especialistas, deveriam também incluir-se na esterilidade os casos em que a fecundação se produz, mas em que o óvulo fecundado não encontra no útero terreno propício para sua implantação e desenvolvimento.

 

Tratamento

Como é fácil de compreender, o tratamento varia com a cau­sa de dificuldade de engravidar, e apenas depois de exame completo, pode o médico indicar o tratamento adequado ao caso. Uma medida que pode tornar-se útil em alguns casos, é espaçar as relações sexuais e tê-las no momen­to em que é mais provável a fecundação.

Devem evitar-se também as irrigações vaginais até que tenham passado várias horas. No caso de o esperma ter muita tendência de sair da vagina, pode ser conve­niente, por algumas horas, manter os quadris erguidos com um traves­seiro.



doencas Revelado: Como Prevenir e Curar Doenças


Enquanto muitas pessoas se entopem de remédios, multivitamínicos e realizam dietas mirabolantes, existem certos alimentos que podem evitar doenças ou até mesmo ajudar na cura de muitas delas. Descubra o Real PODER na Natureza neste Vídeo Exclusivo - Clique Aqui


Publicidade:

Mais Assuntos